Polícia entra em festa de suposta criança de 8 anos, passa por piscina de bolas e encontra música alta e muito álcool

MSM
8 mai, 18:36
Garrafas

Responsável pelo espaço de festas infantis diz que foi enganado por adolescentes

Luzes, piscina de bolas, música alta, muito álcool e mais de seis dezenas de adolescentes. Este foi o cenário que a Polícia Local de Málaga encontrou num espaço de festas infantis e que obrigou à sua intervenção.

Na noite de 21 de abril, dois agentes à paisana perceberam que vários jovens, que aparentavam ser menores, estavam a consumir bebidas alcoólicas no local. Depois de pedirem reforços, as autoridades entraram no espaço, onde encontraram 67 jovens. Apenas um deles era maior de idade - tinha 18 anos -, os restantes tinham entre 13 e 17 anos.

O responsável do estabelecimento foi contactado pelas autoridades e deslocou-se ao local. Segundo este, costuma subarrendar a sala para celebração de festas infantis e garantiu desconhecer as verdadeiras intenções de quem reservou o estabelecimento. Supostamente, este seria usado para uma festa de um menino de oito anos e o cliente garantiu ser maior de idade.

No entanto, segundo os meios de comunicação espanhóis, que citam a polícia, o espaço terá sido reservado por uma menor, que se terá feito passar por adulta.

Apesar de ter sido enganado, a situação teve também consequências para o responsável do estabelecimento, que viu a sala ser encerrada. Isto porque o contrato celebrado não tinha validade por ter sido acordado com uma menor. Além do incumprimento das proibições de consumo de bebidas e tabaco num local destinado a eventos para menores, o espaço ultrapassava a lotação para que estava habilitado.

Europa

Mais Europa

Patrocinados