Conceição nega pedido de demissão e recusa comentar «reações de adeptos»

Ricardo Jorge Castro , Olival, Vila Nova de Gaia
29 jul 2022, 12:38

Treinador do FC Porto abordou um dos temas quentes das últimas semanas: o comentário do líder da claque Super Dragões após a transferência de Francisco Conceição para o Ajax

O treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, negou esta sexta-feira ter pedido a demissão a Pinto da Costa na sequência de um comentário do líder da claque Super Dragões durante o processo da saída de Francisco Conceição para o Ajax.

«Mentira», começou por dizer de forma contundente.

Recorde-se que a notícia foi avançada pela CMTV, a mesma estação que questionou o treinador do FC Porto sobre o tema na antevisão ao jogo deste sábado com o Tondela para a Supertaça. «Os jornalistas também têm dias maus e esse também teve um, porque é completamente falso», vincou.

Conceição não se alongou na resposta nem confirmou, pelo menos, a existência de um mal-estar, e elencou depois mais dois pontos para fechar o assunto. «Não falo sobre jogadores que não fazem parte do clube», disse, a respeito do filho, que rumou ao clube dos Países Baixos.

E, por fim, recusou comentar a afirmação de Fernando Madureira, que através das redes sociais escreveu que um filho dele nunca prejudicaria o FC Porto, declaração interpretada como uma crítica a Sérgio Conceição. «Não vou comentar reações de adeptos», disse, em jeito de conclusão.

Relacionados

Mais Lidas

Patrocinados