SAD do FC Porto começa a pagar juros do empréstimo obrigacionista

29 set, 23:12
Estádio do Dragão

Juros relativos ao cupão n.º1 começam a ser pagos a partir de 13 de outubro

A SAD do FC Porto vai começar a pagar os juros referentes ao cupão n.º1 do empréstimo obrigacionista 2022-25 a partir de 13 de outubro, informou esta quinta-feira a sociedade dos azuis e brancos, em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

«O pagamento dos juros das obrigações será efetuado através da Central de Valores Mobiliários, nos termos do seu regulamento, na qual se encontram integradas sob o código CVM: FCPTOM, sendo o agente pagador nomeado para o efeito o Haitong Bank, S.A.», refere a nota assinada pelo Conselho de Administração da SAD do FC Porto.

A 22 de março, a SAD dos azuis e brancos anunciou o lançamento de um empréstimo obrigacionista no montante global inicial de 40 milhões de euros, tendo este sido aumentado para 50 milhões de euros, através de deliberação do Conselho de Administração, a 4 de abril.

Dias depois, a FC Porto SAD arrecadou os 50 milhões de euros com o empréstimo obrigacionista, em que a procura superou largamente a oferta de títulos disponível. Uma «operação de grande sucesso», segundo realçou Fernando Gomes, administrador da SAD dos dragões.

No total, participaram 3.916 investidores nesta operação.

A contrapartida financeira da oferta de troca (prémio pago na operação e os juros decorridos) ronda os 700 mil euros, de acordo com a Euronext.

Por cada obrigação FC Porto SAD 2021-2023 será entregue uma obrigação FC Porto SAD 2022-2025, mais prémio de 0,05 euros e juros corridos próximos de 0,10 euros.

As novas obrigações têm uma maturidade de três anos, até 13 de abril de 2025 e contam com uma taxa de juro nominal bruta de 5,25 por cento.

Relacionados

Patrocinados