Conceição explica aposta em Veron, Namaso e Pepê

Adérito Esteves , Estádio Magalhães Pessoa, Leiria
25 jan, 22:41
FC Porto-Académico de Viseu (Paulo Cunha/Lusa)

Treinador do FC Porto mudou a frente de ataque habitual no jogo com o Ac. Viseu

Sérgio Conceição, treinador do FC Porto, explicou na conferência de imprensa após o apuramento para a final da Taça da Liga o porquê de ter mudado a linha ofensiva perante o Ac. Viseu.

«Só estamos no jogo de sábado porque fomos competentes, num jogo que era decisivo. Os jogadores que nos davam as garantias eram aqueles que entraram. Apostámos no Veron, Namaso e Pepê na frente porque queríamos algo diferente deste jogo, tendo em conta as características do Ac. Viseu. Mas se desvalorizássemos o Académico, certamente não chegaríamos ao jogo de sábado.»

[sobre a entrada forte em jogo]

«Temos entrado fortes nos jogos, e neste jogo, foi igual. E isso é demonstrativo do respeito que tivemos pelo Ac. Viseu. Entrámos como costumamos, fizemos o golo cedo e podíamos ter marcado mais, em 20 minutos de muita qualidade. Depois, permitimos ao adversário crescer um pouco, mas sem nos criar perigo.

Na segunda parte, voltámos a entrar bem, fizemos os golos e ficámos mais tranquilos perante um Académico que foi fiel aos seus princípios e mostrou qualidade.

Acho que devíamos ter feito mais do que um golo na primeira parte. Não foi só neste jogo que não fomos eficazes, mas a equipa conseguiu na segunda parte controlar o jogo, sempre muito equilibrados em posse. Mas o Académico tem feito um trajeto acima da média.»

Relacionados

Patrocinados