UEFA: FC Porto novamente sob alçada do fair-play financeiro

2 set, 16:39
FC Porto-Sporting

Cem mil euros de multa e presença nas provas europeias em risco

O FC Porto está novamente sob alçada do fair-play financeiro, informou a UEFA num comunicado que prevê duras sanções para os azuis e brancos caso os objetivos não sejam atingidos.

O organismo que rege o futebol europeu comunicou nesta sexta-feira a atualização do acordo com os clubes que estava a monitorizar e afirma que os dragões falharam «ligeiramente» o objetivo.

A consequência disso está explícita no mesmo documento. A Câmara que monitoriza o Fair Play Financeiro impôs «uma multa de 100 mil euros» e decidiu «excluir o clube das provas da UEFA para as quais se qualificar nas próximas três temporadas, a não ser que o resultado agregado dos anos financeiros de 2019, 2020, 2021 e 2022 esteja de acordo com os requerimentos de break-even» acordados entre FC Porto e UEFA.

Pouco depois, o clube portista emitiu um comunicado no qual defende que «conseguiu superar as metas estabelecidas» no acordo do fair-play financeiro com a UEFA e que isso será transmitido «às instâncias competentes no próximo mês de outubro».

O comunicado do FC Porto na íntegra:

FC Porto, Futebol SAD supera metas estabelecidas no acordo de fair play financeiro

A Futebol Clube do Porto, Futebol, SAD tomou conhecimento que o Comité de Controlo Financeiro da UEFA (CFCB) considerou terem sido “ligeiramente incumpridas” as condições do acordo (Settlement Agreement) estabelecido para o preenchimento das regras do fair play financeiro, tendo por base o período terminado na época 20/21.

Contudo, tendo em conta os bons resultados da época finda, a FC Porto, SAD congratula-se por poder informar que já conseguiu superar as metas estabelecidas pelo acordo, o que será formalmente transmitido às instâncias competentes no próximo mês de outubro.

Conselho de Administração da SAD

 

Relacionados

Patrocinados