Disney muda o nome das "fadas madrinhas" para "aprendizes" para ser neutro em termos de género

CNN , Emma Tucker
23 jul, 12:00
Disney

As "fadas madrinhas" da Disney que vestem as crianças como princesas e cavaleiros nos parques temáticos dos EUA são agora chamadas "aprendizes", um termo neutro em termos de género que faz parte dos seus esforços para ser mais inclusivo, disse a empresa na sexta-feira.

O novo título aplica-se aos membros do elenco que trabalham nas suas instalações da Bibbidi Bobbidi Boutique, onde transformam as crianças em personagens icónicas da Disney com maquilhagem, verniz, penteados e fatos. Os trabalhadores eram anteriormente chamados "Fadas Madrinhas em formação" (em inglês, "Fairy Godmothers in training"), mas agora são chamados "Aprendizes de fada madrinha" (em inglês, "Fairy God Mother's Apprentices"), de acordo com um anúncio no blogue da Disney Streaming The Magic (nota: em inglês, o sujeito deixa de ser feminino e passa a ser neutro)

A boutique tem sido uma "longa tradição para as famílias trazerem os seus filhos para se vestirem como as suas personagens preferidas da Disney", diz o post.

"Desta forma, os membros do elenco que possam não se identificar como sendo do sexo feminino podem ainda fazer parte do processo de vestir e dar estilo às crianças sem terem de se referir a si próprios como uma personagem feminina da Disney", de acordo com o anúncio.

A decisão reflete um esforço mais amplo da Disney no sentido de atualizar os seus parques para serem mais inclusivos. Historicamente, a Disney tem sido específica quanto à aparência dos Membros do Elenco - favorecendo um aspeto consistente com a imagem familiar da empresa.

No ano passado, o presidente da divisão de parques da Disney, Josh D'Amaro, disse num post de blogue intitulado "Um lugar onde todos são bem-vindos" que estava empenhado em atualizar as atrações, modernizar os valores dos parques e mudar as diretrizes sobre o aspeto e vestuário dos empregados do parque.

D'Amaro disse que a empresa proporcionará "maior flexibilidade" aos seus trajes de Membro de Elenco no que diz respeito a "formas de expressão pessoal em torno de estilos de cabelo, joias, estilos de unhas, e escolhas de trajes". Os parques permitirão até aos membros mostrar "tatuagens visíveis apropriadas", disse a sua declaração na altura.

"Estamos a atualizá-las para não só permanecerem relevantes no local de trabalho actual, mas também permitir aos nossos membros do elenco expressar melhor as suas culturas e individualidade no trabalho", escreveu D'Amaro.

Frank Pallotta, da CNN, contribuiu para este artigo.

Relacionados

E.U.A.

Mais E.U.A.

Patrocinados