PJ procura suspeito da morte de polícia 

23 mar, 05:50
Discoteca Mome

Terceiro elemento encontra-se em fuga e será coautor da agressão que vitimou o agente Fábio Guerra

A Polícia Judiciária está neste momento à procura de um homem suspeito de ter participado no homicídio do agente Fábio Guerra, da PSP, em coautoria com os dois elementos dos fuzileiros da Marinha já detidos.

Enquanto estes serão hoje presentes ao juiz, em Lisboa, o terceiro elemento encontra-se em fuga, apurou a CNN Portugal, e só quando for localizado irá responder pelo crime da madrugada de sábado junto à discoteca MOME, em Lisboa. Trata-se do filho de um homem que, em Dezembro de 2020, foi morto pela GNR quando reagiu a tiro a um mandado de detenção, em Fernão Ferro, Seixal - um caso noticiado na altura.

Entretanto, conforme a CNN Portugal noticiou ontem, a PJ libertou um outro homem que tinha sido detido: estava no local do crime, e poderá ter participado em agressões, mas não naquelas que acabaram por vítimar um agente da PSP quando tentava travar a confusão.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados