Morreu o pintor e professor Eurico Gonçalves

Agência Lusa
10 jul, 16:18
Eurico Gonçalves

Pioneiro no âmbito da educação artística em Portugal, morreu aos 90 anos

O pintor e professor Eurico Gonçalves, pioneiro na educação artística em Portugal, morreu durante a madrugada deste domingo, com 90 anos, informou a família.

O velório de Eurico Gonçalves está agendado para terça-feira, a partir das 18:00, na Basílica da Estrela, em Lisboa.

Na quarta-feira, seguirá para o jazigo da família, em Penafiel.

Nascido em 1932, em Abragão, Penafiel, Eurico Gonçalves foi pintor, professor e crítico de arte, pioneiro no âmbito da educação artística em Portugal.

Reconhecido especialista no conhecimento da expressão plástica da criança, deu o nome à Escola Básica Eurico Gonçalves, no Lumiar, em Lisboa.

Eurico Gonçalves está representado em coleções públicas e privadas, nomeadamente no Centro de Arte Moderna da Fundação Calouste Gulbenkian, no Museu do Chiado, na Culturgest e no Museu Amadeo de Souza-Cardoso, em Amarante, entre outras instituições.

Foi bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian em Paris e recebeu o Prémio Almada Negreiros em 1998.

Artes

Mais Artes

Patrocinados