Jovem suspeito pelo tiroteio em Chicago acusado por sete crimes de homicídio. Acusação pede pena máxima

6 jul, 00:15

Procurador do estado do Illinois pediu que Robert Crimo fosse condenado a prisão perpétua, sem possibilidade de liberdade condicional

Robert E. “Bobby” Crimo III, o jovem de 21 anos identificado como responsável pelo tiroteio em Highland Park, foi acusado por sete crimes de homicídio qualificado. A acusação pede pena máxima como condenação pelas sete mortes de que alegadamente é responsável, depois de ter disparado aleatoriamente contra a multidão no desfile do Dia da Independência, em Highland Park.

De acordo com a agência Reuters, o procurador do estado do Illinois, Eric Reinhard, garante que estas serão somente as “primeiras de muitas acusações”, acrescentado que é expectável que venham a ser efetivadas dezenas de acusações, consoante avance a investigação.

A acusação revela ainda que pediu a pena máxima para Robert E. “Bobby” Crimo III e que acredita que este venha a ser condenado à pena de prisão perpétua, sem possibilidade de liberdade condicional. Foi ainda requerido que o suspeito fique em prisão preventiva sem possibilidade de redução das medidas mediante o pagamento de caução.

As autoridades acreditam que Crimo tenha planeado o ataque durante várias semanas e já tenha estado referenciado pelas forças de segurança pelo menos duas vezes devido a ameaças de suicídio e atos violentos.

A polícia norte-americana realça ainda que acredita que o jovem tenha disparado mais de 70 tiros contra pessoas aleatórias, sem nunca abandonar o topo do edifício em que se encontrava. Tendo, posteriormente fugido disfarçado de mulher

O porta-voz do Gabinete do Xerife explicou que o disfarce fez com que o atirador conseguisse fugir do telhado e misturar-se com a multidão que tentava abandonar o local. Depois, o suspeito deslocou-se até casa da mãe, colocando-se em fuga de carro.

Robert E. “Bobby” Crimo III foi detido horas mais tarde - por volta das 00:50 em Portugal - após ter sido intercetado numa operação stop. O jovem ainda tentou fugir, mas foi detido após uma curta perseguição.

Relacionados

E.U.A.

Mais E.U.A.

Patrocinados