A luz do sol pode aumentar a sensação de fome nos homens

PP
12 jul, 13:09
Sol

Esta é a conclusão de um estudo agora divulgado e a culpa é da grelina, uma hormona produzida principalmente pelo estômago e intestino, que é responsável por estimular a sensação de fome

Cientistas descobriram que os níveis de grelina aumentam no sangue dos homens após a exposição ao sol, mas, no caso das mulheres, o estrogénio parece bloquear esse aumento, escreve o jornal britânico The Guardian. A grelina é uma hormona produzida principalmente pelo estômago e intestino, que é responsável por estimular a sensação de fome, quando o estômago está vazio.

O estudo divulgado no jornal Nature Metabolism parece mostrar que a exposição solar é mais complexa do que se imaginava. Já se sabia dos riscos de cancro da pele devido à exposição solar, mas agora percebeu-se que esta afeta o corpo de outras formas.

O sol, no verão, deixa-nos muitas vezes com calor, suados e com a pele mais queimada. Agora, com base neste trabalho, os investigadores concluíram que o sol também pode deixar os homens com mais fome. Os dados mostram que a libertação da grelina aumenta o apetite das reservas de gordura da pele.

O excesso de exposição solar aumenta o risco e cancro na pele, mas uma exposição moderada é positiva para a saúde, ajudando a proteger de problemas cardiovasculares e outras doenças que podem causar a morte.

Ainda segundo o The Guardian, uma das possibilidades é que esta exposição moderada ajuda a baixar a pressão sanguínea, o que leva a que os vasos sanguíneos relaxem. Mas há cientistas que atribuem os benefícios na saúde à produção de vitamina D.

Querendo saber se o consumo de alimentos também poderia fornecer algumas pistas, Carmit Levy, professora do departamento de genética molecular humana e bioquímica da Universidade de Tel Aviv, e outros colegas, analisaram dados de 3.000 participantes inscritos numa pesquisa nacional de nutrição

Nesses dados descobriram que os homens, mas não as mulheres, aumentaram sua ingestão de alimentos durante os meses de verão. Não era uma diferença muito grande: o aumento rondava as 300 calorias extra por dia. Todavia, com o tempo, isso pode ter impacto no peso da pessoa.

Em seguida, expuseram voluntários masculinos e femininos a 25 minutos de luz solar ao meio-dia, com o céu limpo de nuvens. E descobriram que isso levou a um aumento nos níveis da hormona grelina, que aumenta o apetite, no sangue dos homens, mas não no das mulheres. Também em algumas experiências realizadas com ratos tiveram o mesmo resultado. Os cientistas concluíram que o motivo para as mulheres não serem afetadas da mesma forma parecia estar no estrogénio, que bloqueou esse efeito.

Carmit Levy explicou ainda que a grelina tinha outros efeitos no corpo, além da regulação do apetite, como, por exemplo, a redução da inflamação e o desgaste do músculo cardíaco e a diminuição da pressão arterial. “A grelina pode ser a ligação entre a exposição solar e a redução de doenças cardiovasculares”, afirmou.

Vida Saudável

Mais Vida Saudável

Patrocinados