EUA: tornados mais mortíferos da última década. Só em 2011, morreram mais de 400 pessoas

Agência Lusa , NM
11 dez 2021, 17:01

Há dez anos, entre 22 e 28 de abril de 2011, cerca de 300 tornados atingiram o sudeste do território norte-americano. No mesmo ano, mas em maio, rajadas de até 320 km/h provocaram 161 óbitos na cidade de Joplin

PUB

Os tornados como os que estão a afetar vários estados norte-americanos desde sexta-feira, provocando pelo menos 70 mortos, são um fenómeno relativamente comum nos Estados Unidos.

Desde sexta-feira, foram relatados pelo menos 30 tornados em seis estados: Arkansas, Illinois, Kentucky, Missouri, Mississípi e Tennessee.

PUB

Na cidade de Mayfield, Kentucky, morreram pelo menos 50 pessoas numa fábrica de velas que colapsou.

As autoridades locais disseram que estavam na fábrica mais de 100 pessoas e admitiram que haverá mais vítimas mortais sob os escombros.

Também foram reportadas pelo menos quatro mortes nos estados do Tennessee e Arkansas.

O tornado mais mortífero da história dos EUA passou pelo Missouri, Illinois e Indiana em 1925, matando 747 pessoas.

Estes são os tornados mais mortais numa década, segundo a agência de notícias France-Presse:

Mais de 30 mortos no Sul: em 12 e 13 de abril de 2020, tornados mataram pelo menos 32 pessoas numa área que se estende do Texas à Carolina do Sul, passando pelo Mississipi, Geórgia, Tennessee e Arkansas.

PUB
PUB
PUB

25 mortos no Tennessee: pelo menos 25 pessoas morreram quando tornados graves atingiram o Tennessee, incluindo a área de Nashville, na noite de 02 para 03 de março de 2020.

23 mortos no Alabama: no dia 03 de março de 2019, tornados severos mataram pelo menos 23 pessoas e causaram danos extensos no leste do Alabama. O tornado que atingiu o condado de Lee foi acompanhado por ventos de 218 a 266 quilómetros por hora (km/h).

28 mortos no Sul: de 23 a 26 de dezembro de 2015, uma onda de tornados atingiu a região Sul do país matando pelo menos 28 pessoas, incluindo 11 no Texas. Com ventos até 320 km/h, destruíram ou danificaram 600 edifícios. Os estados do Mississípi, Tennessee e Arkansas foram também atingidos.

35 mortes no Centro e no Sul: em 27 e 28 de abril de 2014, pelo menos 35 pessoas morreram devido a uma série de tornados que devastaram seis estados do Mississípi, Alabama, Tennessee, Arkansas, Iowa e Oklahoma.

20 mortos no Oklahoma: em 31 de maio de 2013, pelo menos 20 pessoas, incluindo sete crianças, morreram em poderosos tornados que varreram o Oklahoma.

PUB
PUB
PUB

24 mortos na cidade de Moore: em 20 de maio de 2013, um tornado F5, o máximo na escala Fujita, com ventos de mais 320 km/h, atingiu o subúrbio sul da cidade de Moore, Oklahoma, matando 24 pessoas.

Cerca de 50 mortos no Midwest: em 02 de março de 2012, no Centro-Oeste, cerca de 80 tornados atingiram o Kentucky e Indiana em particular, mas também Ohio, Tennessee e Illinois, causando pelo menos 38 mortes. Dois dias antes, 13 pessoas tinham morrido também devido a uma onda de tornados.

161 mortos na cidade de Joplin: em 22 de maio de 2011, um tornado com rajadas de até 320 km/h devastou a cidade de Joplin no centro do Missouri, matando 161 pessoas. Deixou um rasto de destruição com 6,4 km de comprimento e mais de um quilómetro de largura.

300 tornados e 354 mortes no Sudeste: entre 22 e 28 de abril de 2011, cerca de 300 tornados atingiram o Sudeste, matando 354 pessoas. O Alabama, onde comunidades inteiras como Tuscaloosa foram praticamente dizimadas, sofreu cerca de 250 baixas. Tennessee, Mississípi, Geórgia, Arkansas e Virgínia também foram afetados. Do total de vítimas, 314 morreram apenas no dia 27 de abril, nos cinco estados.

PUB
PUB
PUB

Relacionados

Uma newsletter para conversarmos - Decisão 22

Envie-nos as suas questões e sugestões de temas, responderemos pela caixa do correio

Saiba mais

E.U.A.

Mais E.U.A.

Patrocinados