Líder da máfia búlgara preso por extorquir dirigentes do Sevilha

6 dez 2023, 11:43
Sánchez-Pizjuán

O grupo conhecido como 'Los Rompecostillas' exigiu meio milhão de euros

Nesta segunda-feira uma operação policial, em Madrid, culminou na detenção do líder da máfia búlgara em Espanha, por extorsão de dirigentes do Sevilha, segundo revelou a Tarde AR, programa da televisão espanhola Telecinco.

Beyhan Mmezi Rafi, também conhecido como 'Ivo, El Búlgaro', foi detido e acusado, juntamente com outros quatro indivíduos, de extorquir um dirigente do Sevilha em 500 mil euros.

Segundo a investigação, El Búlgaro terá reclamado esse valor, alegando que o clube da Andaluzia tinha faltado ao compromisso de fazer uma digressão pelo México depois do adiantamento dos 500 mil euros por parte de uma empresa que teria organizado o evento.

O líder dos 'Los Rompecostillas', em português ‘Os QuebraCostelas’, é conhecido por controlar a vida noturna em Madrid e por ser um dos criminosos mais perigosos de Espanha. Chegou mesmo a ameaçar vários funcionários e ex-funcionários do clube sevilhano, alegando estar a agir em nome de um violento cartel mexicano.

Até ao momento ainda não houve qualquer pronunciamento por parte do clube espanhol.

Patrocinados