Sondagem CNN/TVI: mais de metade dos portugueses quer Cabrita julgado no caso do atropelamento

17 dez 2021, 20:44
Eduardo Cabrita demite-se (António Cotrim / Lusa)
Eduardo Cabrita demite-se (António Cotrim / Lusa)

Esmagadora maioria classifica o comportamento do ex-ministro durante o processo como "mau" ou "muito mau"

PUB

Mais de metade dos portugueses afirma que Eduardo Cabrita deve ser julgado no caso do atropelamento mortal na A6, segundo a mais recente sondagem da Pitagórica para a CNN/TVI.

De acordo com os dados, 55% dos inquiridos consideram que o anterior ministro da Administração Interna deve ir a tribunal por permitir que a viatura onde seguia circulasse a 163km/h. Outros 17% dizem que Cabrita provavelmente deve ser julgado.

PUB

Em sentido contrário, apenas 11% rejeitam a ideia de que o ex-ministro tenha de responder perante a Justiça por causa do acidente que vitimou um trabalhador de 43 anos.

Quanto ao comportamento de Cabrita durante todo o processo, desde o acidente à demissão, 84% classifica-o como "mau" ou "muito mau". Nenhum dos inquiridos considerou que o ministro tenha estado muito bem, e apenas 1% avaliou de forma positiva a atuação do ministro.

Relativamente à demissão em si, metade considera que esta decisão partiu do primeiro-ministro, face a somente 15% que dizem que aconteceu por intenção de Eduardo Cabrita. 23% consideram, contudo, que a vontade foi mútua.

PUB
PUB
PUB

Esta sondagem foi realizada pela Pitagórica para a CNN Portugal e TVI. O trabalho de campo decorreu entre os dias 7 e 12 de dezembro de 2021, sendo a amostra de 625 inquéritos.

Uma newsletter para conversarmos - Decisão 22

Envie-nos as suas questões e sugestões de temas, responderemos pela caixa do correio

Saiba mais

Partidos

Mais Partidos

Patrocinados