Detidos suspeitos de alegada célula de tráfico de droga em Rabo de Peixe nos Açores

Agência Lusa , DCT
6 nov, 08:32
Polícia de investigação criminal (Foto: Facebook Polícia de Segurança Pública)

Os arguidos, presentes à autoridade judiciária "ficaram sujeitos a apresentações periódicas obrigatórias" às autoridades, avança ainda a PSP

Dois homens, do "mesmo agregado familiar", foram detidos "em flagrante delito", suspeitos de terem montado uma alegada célula de tráfico de droga no centro da vila de Rabo de Peixe, nos Açores.

Segundo um comunicado do Comando Regional dos Açores da PSP, as detenções ocorreram na quarta-feira, na vila de Rabo de Peixe, no concelho da Ribeira Grande, ilha de São Miguel, e os suspeitos estão "fortemente indiciados da prática do crime de tráfico de estupefacientes".

A detenção, segundo a polícia, surgiu no seguimento de "várias denúncias reportadas às autoridades que apontavam para a existência de venda de droga a vários consumidores de substâncias ilícitas, numa residência localizada, em pleno centro da vila de Rabo de Peixe".

Após diversas diligências, os investigadores conseguiram recolher "vários elementos de prova, consolidando as suspeitas quanto à possível existência de uma célula de tráfico implantada naquele local", explica a polícia.

A PSP realizou ainda uma busca domiciliária à residência dos suspeitos, que culminou com "a detenção em flagrante delito" dos suspeitos, do "mesmo agregado familiar", lê-se no comunicado.

As buscas permitiram ainda apreender "várias dezenas de doses individuais de heroína, droga sintética, quantias monetárias, entre outros objetos relacionados com o crime sob investigação", adianta.

Os arguidos, presentes à autoridade judiciária "ficaram sujeitos a apresentações periódicas obrigatórias" às autoridades, avança ainda a PSP.

No comunicado, o Comando Regional dos Açores da PSP destaca "os resultados operacionais alcançados em mais uma investigação" relacionada com tráfico de droga, visando "uma estratégia conjunta" de "várias entidades oficiais" para "a contenção, prevenção e erradicação do consumo de substâncias ilícitas".

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados