Pedido de levantamento da imunidade parlamentar de Pinto Moreira já deu entrada no Parlamento. Deputado pede suspensão do mandato

Paula Caeiro Varela , notícia atualizada às 12:33
30 jan 2023, 10:32

 

 

Depois da entrada do pedido, Pinto Monteiro pediu a suspensão do mandato como deputado na Assembleia da República. 

O pedido de levantamento da imunidade parlamentar do deputado social-democrata Pinto Moreira já deu entrada no Parlamento. Segundo adianta à CNN o Gabinete do Presidente da Assembleia da República, Augusto Santos Silva, o pedido de levantamento da imunidade parlamentar chegou sexta feira e foi remetido de imediato à Comissão da Transparência.

Perante a entrada do pedido no Parlamento, Pinto Monteiro vai pedir a suspensão do mandato como deputado na Assembleia da República por sentir que não tem "o direito de perturbar o normal funcionamento do trabalho político do meu partido e dos seus mais altos responsáveis".

Joaquim José Pinto Moreira tinha sido eleito deputado pela primeira vez nas legislativas de 2022, tendo chegado a vice-presidente da bancada social-democrata na direção de Joaquim Miranda Sarmento, já depois de Luís Montenegro assumir a presidência do PSD. Renunciou ao cargo depois de ver o seu nome implicado no caso Vórtex, que investiga crimes de corrupção na Câmara de Espinho, da qual foi presidente.

Recentemente, Pinto Moreira foi indicado pelo PSD para presidir à Comissão Eventual de Revisão Constitucional, que tomou posse em 4 de janeiro. Era também vice-presidente da bancada social-democrata, cargo ao qual também renunciou.

Pinto Moreira foi um dos principais apoiantes de Montenegro na sua ascensão à liderança, tendo sido um dos poucos militantes destacados presentes quando este, em janeiro de 2019, desafiou o então presidente Rui Rio a convocar diretas antecipadas.

Relacionados

Partidos

Mais Partidos

Patrocinados