Voo livre de passageiros. A solução “criativa” de uma companhia aérea para enfrentar a crise nos aeroportos

16 jul, 13:24
Bagagem [Reuters]

Medida da Delta Air Lines para resolver o problema de escoamento de bagagens no aeroporto de Heathrow

A companhia aérea norte-americana Delta Airlines recorreu àquilo que chama de solução “criativa” para resolver o problema de escoamento de bagagens no Aeroporto de Heathrow, no Reino Unido, afetando o funcionamento do aeroporto, mas sobretudo os passageiros. A medida consiste num voo específico entre Londres e a sede da companhia em Detroit, nos Estados Unidos, exclusivamente para transportar mais de mil malas, sem qualquer passageiro. 

O aeroporto de Heathrow tem sido um dos mais afetados pela crise aeroportuária. A conjugação de um número acrescido de passageiros com a falta de colaboradores levou ao caos nos aeroportos um pouco por todo o mundo. Os responsáveis pelo aeroporto de Heathrow pediram às companhias aéreas para limitar o número de passageiros nas suas infraestruturas, não ultrapassando os 100 mil por dia. 

Adicionalmente, a Delta encaminhou um voo apenas para transportar bagagens do Reino Unido para os Estados Unidos, onde as distribuirá pelos respetivos donos. 

Muitas companhias aéreas têm estado a trabalhar para reduzir o número de passageiros que entram e saem de Heathrow.

Em 2018, o número diário de passageiros que passaram por Heathrow foi de quase 220.000, divididos entre chegadas e partidas.

Empresas

Mais Empresas

Patrocinados