Presidente do Parlamento Europeu hospitalizado há vários dias com “complicações graves”

Agência Lusa , BCE
10 jan, 15:42
David Sassoli
David Sassoli

Já em setembro do ano passado, David Sassoli, de 65 anos, tinha contraído uma pneumonia, tendo ficado ausente durante dois meses das sessões plenárias do Parlamento Europeu

PUB

O presidente do Parlamento Europeu, David Sassoli, encontra-se hospitalizado em Itália por “complicações graves” devido a uma “disfunção do sistema imunitário”, tendo todas as suas atividades oficiais sido canceladas, informou esta segunda-feira o seu gabinete.

Em comunicado, o porta-voz de Sassoli precisou que o presidente do Parlamento Europeu está internado desde 26 de dezembro, indicando que "esta hospitalização foi necessária face a complicações graves devidas a uma disfunção do sistema imunitário”.

PUB

Doença obriga ao cancelamento de todos os eventos oficiais de Sassoli

"Como resultado, todas as atividades oficiais do presidente do Parlamento Europeu foram canceladas", concluiu o curto comunicado.

Sassoli, de 65 anos, contraiu uma pneumonia em setembro de 2021, que o obrigou a receber tratamento hospitalar em Estrasburgo, França, e, embora tenha recebido alta hospitalar uma semana depois, prosseguiu a recuperação em Itália e esteve mais de dois meses ausente das sessões plenárias do Parlamento, regressando no final do ano.

PUB
PUB
PUB

Na próxima semana, na primeira sessão plenária do ano, o Parlamento Europeu deverá precisamente eleger um(a) presidente da assembleia, algo que já estava previsto a meio da atual legislatura, e não relacionado com o estado de saúde de Sassoli.

A maltesa Roberta Metsola, do Partido Popular Europeu (PEE), é a favorita para suceder ao dirigente socialista italiano, que assumiu o cargo no verão de 2019.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Europa

Mais Europa

Patrocinados