Corpo de um australiano encontrado num crocodilo. Tinha ido pescar com os amigos e desapareceu

CNN Portugal , MBM
3 mai, 18:49
Corpo de um pescador encontrado na Austrália. (Brian Cassey/ AP)

As autoridades procuraram o pescador ao longo dos últimos dois dias

Os restos mortais de um australiano desaparecido desde sábado foram encontrados no interior de um crocodilo, segundo a polícia australiana. O homem desapareceu num parque natural da Austrália, o habitat natural de milhares de crocodilos.

O homem desaparecido era Kevin Darmondy, de 65 anos, visto pela última vez no parque natural de Lakefield, no norte de Queensland, na Austrália. De acordo com o Cape York Weekly, Darmondy, um pescador experiente, tinha combinado com os amigos passar o sábado a pescar naquele parque natural.

Um dos amigos apercebeu-se do seu desaparecimento horas mais tarde e chegou a ouvir um grito. Depois, nunca mais houve sinal de Darmondy. "Só os seus chinelos a boiar", recorda ao jornal.

As autoridades procuraram Kevin Darmondy durante dois dias e decidiram eutanasiar dois crocodilos encontrados a menos de dois quilómetros do local de desaparecimento - um com 4,1 metros de comprimento e outro com 2,8 metros. 

Num comunicado divulgado esta quarta-feira, a polícia australiana associa o corpo encontrado no interior de um dos crocodilos ao desaparecimento de Darmondy, acreditando ser o corpo do pescador. Ainda assim, ainda não foi possível confirmar que se trata, de facto, de Darmondy.

Os crocodilos são um animal comum na zona da Austrália. Há mais de 30 mil espécies em Queensland desde a proibição da sua caça, em 1974 (nessa altura eram apenas cinco mil). Embora os ataques sejam raros, Kevin Darmondy é a 13ª vítima mortal na zona desde 1985. A mais recente vítima foi registada em 2018.

 

Relacionados

Mundo

Mais Mundo

Patrocinados