Governo prepara-se para antecipar para 26/12 as medidas anticovid: Costa vai falar ao país e isto é o que tem de saber

20 dez 2021, 20:35
António Costa apresenta conclusões de Conselho de Ministros
António Costa apresenta conclusões de Conselho de Ministros

Governo marcou um conselho de ministros extraordinário para esta terça-feira. Medidas de contenção da pandemia vão ser antecipadas. Costa fala esta terça ao país logo a seguir à reunião do Governo: "Como são medidas com impacto na vida das pessoas, convém que sejam tomadas com antecedência"

PUB

O Governo prepara-se para antecipar para 26 de dezembro, imediatamente a seguir ao feriado de Natal, as medidas de contenção da pandemia, sabe a CNN Portugal. O anúncio vai ser feito esta terça-feira pelo primeiro-ministro, António Costa, após a realização de um conselho de ministros extraordinário.

As medidas que deviam entrar em vigor a 2 de janeiro vão ser antecipadas, como o teletrabalho obrigatório, que vai ter início logo a 26 de dezembro. O Governo quer antecipar a semana de contenção (prevista inicialmente 2 a 9 e janeiro) e, por isso, vai impor lotação máxima em discotecas e bares a pensar nas festas de fim de ano.

PUB

Ainda neste campo das festividades, vai ser anunciada a obrigatoriedade de realização de testes para entrar em festas de passagem de ano. No entanto, não está excluído o encerramento, prologando assim o fecho já anunciado na semana a seguir ao Ano Novo. Haverá, ainda, testes obrigatórios em restaurantes e hotéis na passagem de ano.

Também nos centros comerciais vai ser imposta uma lotação máxima, com o período de troca de presentes de Natal a ser igualmente alargado para evitar aglomerações.

PUB
PUB
PUB

Reunião antecipada

A reunião do Conselho de Ministros, a última antes do Natal, estava prevista para se realizar na próxima quinta-feira, como é habitual, mas o líder do executivo decidiu antecipá-la já para terça-feira.

“Esta antecipação resulta do facto de propostas recebidas pelo grupo de epidemiologista que têm apoiado o executivo. Como são medidas com impacto na vida das pessoas, convém que sejam tomadas com antecedência, tendo em vista tornar possível uma melhor preparação e adaptação”, declarou a mesma fonte do executivo.

A incidência de covid-19 voltou a aumentar a nível nacional, passando para os 558,5 casos por 100 mil habitantes, enquanto o índice de transmissibilidade (Rt) estabilizou nos 1,07, segundo os dados oficiais de hoje.

O Rt - que estima o número de casos de infeção resultantes de cada pessoa infetada – não registou alterações entre sexta-feira e hoje (1,07) a nível nacional.

Os dados do Rt e da incidência de novos casos por 100 mil habitantes a 14 dias - indicadores que compõem a matriz de risco de acompanhamento da pandemia - são atualizados pelas autoridades de saúde à segunda-feira, à quarta-feira e à sexta-feira.

PUB
PUB
PUB

Uma newsletter para conversarmos - Decisão 22

Envie-nos as suas questões e sugestões de temas, responderemos pela caixa do correio

Saiba mais

Governo

Mais Governo

Patrocinados