Gasóleo e gasolina vão descer mas Governo mantém desconto no ISP

1 abr, 19:15
Combustíveis. Foto: Horacio Villalobos/Corbis via Getty Images

Ao contrário do que estaria previsto segundo a fórmula que calcula os descontos do ISP, o executivo decidiu não aumentar este imposto

O Governo prevê uma descida de 12 cêntimos no preço do gasóleo na próxima segunda-feira. Contudo, apesar da redução, o executivo decidiu manter o desconto de 4,7 cêntimos no ISP. Segundo as estimativas do Governo, o preço do gasóleo baixaria para os 1,983 euros por litro.

O preço da gasolina também desceria, mas apenas 4 cêntimos, para os 2,023 euros por litro.

Ao contrário do que estaria previsto segundo a fórmula que calcula os descontos do ISP, o executivo decidiu não aumentar este imposto que, de acordo com os preços desta semana, deveria subir em 2,1 cêntimos por litro.

"No atual contexto, o Governo optou por diferir este ajustamento para o momento em que se concretize a descida do ISP pela aplicação da fórmula, tal como aconteceu na última semana. Assim, o Governo determina, através da Portaria hoje publicada, a manutenção do desconto temporário do ISP de 4,7 cêntimos por litro de gasóleo e 3,7 cêntimos por litro de gasolina, voltando a aplicar-se a fórmula na próxima semana com os correspondentes ajustamentos", pode ler-se no comunicado do Ministério das Finanças enviado às redações.

Sobre o AUTOvoucher, o governo anunciou que a modalidade foi colocada à disposição de 2,8 milhões de aderentes esta sexta-feira, sendo que o montante reembolsável permanece nos 20 euros mensais.

"O programa já ultrapassou 66 milhões de euros de reembolsos, dos quais mais de 40 milhões de euros ocorreram desde o anúncio do alargamento do benefício de 5 euros mensais por beneficiário para 20 euros mensais", afirmou o executivo

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Dinheiro

Mais Dinheiro

Patrocinados