Incêndio de grandes dimensões atinge arranha-céus de 42 andares na China

16 set, 12:33
Arranha-céus em chamas na China

Não há registo de quaisquer mortos ou feridos

Um incêndio de grandes dimensões atingiu, esta sexta-feira, um arranha-céus na cidade de Changsha, no centro da China. O edifício de 42 andares foi totalmente consumido pelas chamas.

A coluna negra de fumo era visível a centenas de metros de distância. Ainda assim, e de acordo com a imprensa local, não há registo de quaisquer mortos ou feridos. 

De acordo com o South China Morning Post, estiveram no local cerca de 280 bombeiros, apoiados por 36 viaturas. Este edifício, que já foi considerado o mais alto de Changsha, com 218 metros, albergava vários escritórios da China Telecom. Foi construído em 2000 e, para além dos 42 andares, tem ainda mais dois subterrâneos.  

Segundo o mesmo jornal, o alerta foi dado às 15:48 (horas locais, 8:48 em Lisboa) e foi dado como extinto por volta das 17:00 (10:00 em Lisboa). 

 

Ásia

Mais Ásia

Patrocinados