Detidas 20 pessoas em festa de música eletrónica na Chamusca

Agência Lusa , AG
3 out, 14:01
GNR

Foram apreendidas várias doses de droga e dinheiro falso

A GNR deteve, na Chamusca, no distrito de Santarém, 20 pessoas, com idades entre os 22 e os 38 anos, pelos crimes de tráfico de estupefacientes, posse de arma proibida e posse de notas falsas, foi anunciado esta segunda-feira.

Em comunicado, o Comando Territorial de Santarém indica que as detenções, efetuadas na sexta-feira e no sábado, ocorreram no âmbito de "uma operação especial de prevenção criminal, direcionada para a segurança e policiamento de um evento de música eletrónica".

Os militares da GNR detiveram 17 pessoas por tráfico de estupefacientes, duas por posse de arma proibida e uma por posse de notas falsas.

Durante a operação, foi determinado o encerramento do evento, "por falta de cumprimento das disposições legais relativas à segurança privada e falta de plano de segurança".

A GNR apreendeu 886 doses de haxixe, 115 doses de MDMA, 63 doses de liamba, 20 selos LSD, 11 comprimidos de 'ecstasy', três armas proibidas, uma balança de precisão, 600 euros em notas falsas e diverso material para acondicionamento e consumo de droga.

Os detidos foram constituídos arguidos e os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Almeirim.

A operação contou com o reforço do Grupo de Intervenção Cinotécnico da Unidade de Intervenção e da Unidade de Emergência de Proteção e Socorro, segundo a nota da GNR de Santarém.

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados