FPF instaura processos disciplinares a segurança do Benfica e Hugo Viana

27 jan, 17:43
Hugo Viana (Getty Images)

Em causa estarão os incidentes no túnel da Luz, após o dérbi da 16.ª jornada da Liga

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) instaurou processos disciplinares ao diretor desportivo do Sporting Hugo Viana e a Paulo Magalhães, elemento da segurança do Benfica.

Em causa estão os incidentes no túnel da Luz, após o dérbi da 16.ª jornada da Liga.

A situação foi audível na transmissão televisiva, quando Ruben Amorim se preparava para analisar o empate a dois golos entre Benfica e Sporting na entrevista rápida na BTV, tendo o técnico leonino deixado o local para voltar só após estarem reunidas as condições.

Dirigente e treinador de guarda-redes do Arouca suspensos

Entretanto, relativamente ao jogo da meia-final da Taça da Liga frente ao Sporting, o CD suspendeu dois elementos do Arouca. A saber: Joel Pinho, diretor desportivo e delegado ao jogo, foi suspenso por oito dias e teve 612 euros de multa por «utilizar linguagem ofensiva e insultuosa, gritando (dirigindo-se ao árbitro principal) "vai para o c..."». Já o treinador de guarda-redes Hélder Godinho levou 12 dias de suspensão e uma multa de 1530 euros pelo mesmo motivo, mas utilizando a expressão "és um grande filho da p..."».

Relacionados

Benfica

Mais Benfica

Patrocinados