Venda de casas desce em junho pela primeira vez em ano e meio

23 set, 07:36
Imobiliário em Portugal (Getty Images)

REVISTA DE IMPRENSA. Preços das casas subiu 13,2% no segundo trimestre deste ano face ao mesmo período do ano passado

A venda de casas caiu pela primeira vez em ano e meio em junho de 2022, noticia o Jornal de Negócios esta sexta-feira.

O diário cita dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), e menciona que a descida de 7.6% face ao período homólogo do ano anterior poderá estar relacionada com a subida acentuada das taxas de juro e da Euribor, que entrou em terreno positivo depois de mais de seis anos no negativo.

No entanto, e de acordo com os dados do INE, a venda de casas em abril e maio foi suficiente para que o segundo trimestre fosse positivo. No total, de abril a junho, venderam-se 43.607 casas, um aumento de 4,5% face ao valor do mesmo período de 2021.

As transações de habitações envolveram 8,3 mil milhões de euros no segundo trimestre, tendo-se registado um aumento acentuado da venda de imóveis novos, com a venda de 7.865 unidades, uma subida de 18,9% face ao ano passado.

O preço das casas também aumentou substancialmente. Segundo os dados citados, o custo das habitações aumentou 13,2% no segundo trimestre deste ano face ao período homólogo do ano anterior, o valor mais alto desde 2009. O aumento foi ainda mais acentuado nos preços das casas já existentes, que subiram 14,7%.

Imobiliário

Mais Imobiliário

Patrocinados