Homem detido em Cantanhede por violência doméstica

Agência Lusa , AM
6 set, 09:49
GNR

Suspeito ficou em prisão preventiva

Um homem, de 34 anos, foi detido na quinta-feira passada por violência doméstica, no concelho de Cantanhede, no distrito de Coimbra, informou esta segunda-feira a Guarda Nacional Republicana (GNR).

Em comunicado, a GNR adianta que o homem “exercia violência física e psicológica sobre a companheira de 25 anos”.

No âmbito das diligências de investigação foi dado cumprimento a um mandado de detenção, que culminou na localização e detenção pelo Comando Territorial de Coimbra, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE).

O detido, com antecedentes criminais por outro crime, foi presente no sábado a primeiro interrogatório judicial ao Tribunal Judicial de Coimbra, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Detido em Penafiel fica em prisão preventiva

Um homem, de 45 anos, ficou em prisão preventiva após ter sido detido, no concelho de Penafiel, por suspeitas de violência doméstica e posse de arma, anunciou a GNR do Porto.

Em comunicado, a GNR esclarece que os militares da Guarda realizaram diversas diligências policiais, tendo apurado que o suspeito “ameaçava e exercia violência física, verbal e psicológica contra a vítima, a sua companheira, de 31 anos”.

O detido, que foi presente a primeiro interrogatório judicial, no Tribunal Judicial de Penafiel, vai aguardar julgamento em prisão preventiva.

Durante a ação policial foi possível localizar e deter o suspeito, o qual tinha na sua posse uma arma de fogo transformada e respetivas munições, que foram de imediato apreendidas.

A GNR recorda que a violência doméstica é crime público e que denunciar é uma responsabilidade coletiva.

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados