Suíça: canoísta britânico dado como desaparecido há cinco dias

21 mai, 18:04
Bren Orton (DR)

Bren Orton estava em «pré-época», entre Suíça e Itália

As autoridades suíças iniciaram, esta terça-feira, operações de procura e resgate por Bren Orton, canoísta britânico desaparecido desde a tarde quinta-feira.

De acordo com a Pyranha (fabricante de caiaques), o atleta, de 29 anos, treinava em grupo no rio Melezza, junto à fronteira com Itália, quando ficou encalhado num remoinho.

«Apelamos ao respeito da privacidade da família e amigos de Bren Orton, evitando especulações», lê-se no comunicado da Pyranha.

 

Contactado pela CNN, o porta-voz da polícia de Ticino, no sul da Suíça, esclareceu que as buscas prosseguem na foz do rio Maggia, do qual o Melezza é afluente, assim como no lago Maggiore.

Habituado a navegar com o risco, Bren Orton estabeleceu o recorde britânico para a queda mais longa nas Big Banana Falls, no México, a cerca de 39 metros de altura.

A 10 de maio, o canoísta revelou a «pré-época» em curso em Itália. Foi a última publicação no YouTube antes do acidente, a 16 de maio.

 

Relacionados

Patrocinados