EasyJet cancela 100 voos devido a baixas médicas por covid-19

Agência Lusa , RL
4 abr, 11:28
EasyJet

Cancelamento das ligações aéreas provocou inconvenientes sobretudo no Reino Unido, onde já começou a temporada de férias da Páscoa

A companhia aérea de baixo custo easyJet informou o cancelamento de 100 voos marcados para esta segunda-feira, entre os quais 62 com partida do Reino Unido, devido ao elevado número de baixas médicas por infeções de covid-19 entre os trabalhadores. 

A companhia indica que está a tentar resolver o problema com as tripulações de reserva, mas viu-se obrigada a cancelar as ligações aéreas provocando inconvenientes sobretudo no Reino Unido onde já começou a temporada de férias da Páscoa. 

Por outro lado, os aeroportos também enfrentam dificuldades em operar com normalidade devido à falta de pessoal o que está a provocar longas filas nos pontos de controlo de segurança e de embarque. 

"Infelizmente, foi necessário cancelar voos de hoje e de amanhã [terça-feira]. Lamentamos qualquer incidente que a situação está a causar", acrescenta a nota. 

O aeroporto de Manchester, no norte de Inglaterra foi um dos mais afetados, assim como o Terminal 2 do aeroporto de Heathrow, Londres. 

Viagens

Mais Viagens

Na SELFIE

Patrocinados