Quatro mortos, 43 resgatados: novo drama com refugiados no Canal da Mancha, onde as águas estão "gélidas"

Andreia Miranda , notícia atualizada às 13:42
14 dez 2022, 09:54

Operação de busca e salvamento teve início às 3:40

Um barco com migrantes sofreu um acidente no Canal da Mancha, perto de Kent, Inglaterra, fazendo quatro mortos, confirmou fonte oficial do governo britânico, ao início da tarde, em comunicado.

"Às 3:05 de hoje, as autoridades foram alertadas para um incidente no Canal da Mancha que envolvia um pequeno barco de migrantes em dificuldades. Depois de uma operação coordenada de busca e resgate liderada pela Guarda Costeira, temos a lamentar a confirmação de quatro mortes neste incidente. As investigações estão a decorrer e daremos mais informações oportunamente", revelou um porta-voz do gabinete.

Segundo a Sky News, a bordo da embarcação, que "terá virado", seguiam entre 40 a 50 pessoas, sendo que 43 migrantes foram entretanto resgatados das águas gélidas e levadas para o Reino Unido.

Também o primeiro-ministro Rishi Sunak lamentou o acidente e a "perda trágica de vidas humanas". "Os nossos corações estão com todos os afetados e nossas homenagens aos envolvidos na extensa operação de resgate."

De acordo com a BBC, a operação de busca e salvamento teve início às 3:40, sendo que as condições do mar são de congelamento. Para o local foram enviados meios da guarda costeira britânica, da marinha francesa e uma ambulância aérea, assim como helicóptero da guarda costeira de Lydd e Lee, em Solent. Um barco pesqueiro, que também estava na região, ajudou no resgate.

Em Dover, durante a noite de terça-feira, as temperaturas caíram para 1.ºC, sendo que estava em vigor um alerta meteorológico amarelo por causa do gelo em Kent.

Relacionados

Europa

Mais Europa

Mais Lidas

Patrocinados