CGD avança com nova emissão de obrigações verdes

Agência Lusa , FMC
7 jun, 12:41
Caixa Geral de Depósitos - Arquivo

A Caixa pretende colocar títulos a quatro anos junto de investidores institucionais, num montante não divulgado

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) avançou esta terça-feira com uma nova emissão de dívida verde, pretendendo colocar títulos a quatro anos junto de investidores institucionais, num montante não divulgado.

O montante captado com a atual emissão de ‘green bonds’ séniores preferenciais, com maturidade a 15 de junho de 2026, será utilizado pela CGD para financiar projetos verdes e sustentáveis.

“Continuar a diversificar as fontes de financiamento e a base de investidores” e “aplanar o perfil de maturidade da dívida” são alguns dos racionais na base da emissão, segundo uma apresentação a investidores divulgada no 'site' da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

O ‘guidance’ inicial aponta para um prémio de 140 pontos base face à taxa ‘mid-swap’ do euro com a mesma maturidade, que negoceia nos 1,64%, mas o juro final só será fixado com o fim da operação e consoante a procura.

Os ‘bookrunners’ da emissão são a CGD, o Commerzbank (B&D), o Crédit Suisse, o JP Morgan e o Sociéte Generale e as novas obrigações serão admitidas à negociação no Luxemburgo.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Economia

Mais Economia

Patrocinados