Retomadas buscas por homem desaparecido no rio Minho em Monção

Agência Lusa , CV
23 mai, 10:59
O ponto de situação das operações de buscas pelo menino de 10 anos desaparecido no rio Minho

O homem saiu de casa de manhã, para pescar e não regressou

As buscas por um homem dado como desaparecido na sexta-feira no rio Minho, na freguesia de Barbeita, em Monção, foram retomadas hoje, pelas 08:00, revelou o capitão do porto de Caminha, Pedro Santos Jorge.

Trata-se do quarto dia de buscas pelo homem de 65 anos que “supostamente” caiu ao rio Minho, na sexta-feira, cerca das 15:30, enquanto pescava.

Segundo o capitão do porto e comandante da Polícia Marítima (PM) de Caminha, “durante as operações de busca realizadas no fim de semana foram encontrados um chapéu e um utensílio de pesca, ambos reconhecidos pela família como sendo do homem desaparecido”.

“As buscas decorreram numa extensão de cerca de um quilómetro a partir da zona onde o homem estaria a pescar. Além dos meios aquáticos e terrestres, a operação contou nos últimos três dias com o apoio de um meio aéreo, que hoje não deverá ser utilizado”, especificou.

Pedro Santos Jorge adiantou que “as operações durante o dia de hoje contam com a participação de botes e equipa de mergulhadores forenses da PM e meios da Armada Espanhola, decorrendo a jusante do local onde o homem terá desaparecido”.

“O rio apresenta um caudal bastante forte, até devido à chuva que tem caído nos últimos dias. Pedi às autoridades espanholas para contactarem a barragem de Freiría (parte espanhola) para baixar o volume do caudal, de forma a facilitar as buscas”, disse.

Na sexta-feira, à Lusa, fonte do Comando Territorial da GNR de Viana do Castelo adiantou que o homem saiu de casa de manhã, para pescar e não regressou.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

País

Mais País

Patrocinados