Brasil ultrapassa cinco milhões de casos prováveis de dengue este ano

Agência Lusa , AM
21 mai, 06:57
Mosquito do dengue (imagem Getty)

A taxa de incidência por 100.000 habitantes é de 2.511,9 casos e a taxa de mortalidade é de 4,83

O Brasil superou este ano os cinco milhões de casos prováveis de dengue e, embora a incidência da epidemia tenha diminuído, foram registadas 2.827 mortes pela doença desde janeiro, indicaram fontes oficiais.

Os números históricos anuais foram registados em menos de seis meses, de acordo com um boletim epidemiológico divulgado pelo ministério, que coloca o número de casos prováveis em 5.100.766 em 2024.

A taxa de incidência por 100.000 habitantes é de 2.511,9 casos e a taxa de mortalidade é de 4,83, acrescenta o relatório.

Estão a ser investigadas mais 2.712 mortes, pelo que o número de mortos poderá ser muito superior.

Até agora, o número recorde de casos foi registado em 2015, com 1,6 milhões, enquanto o ano com mais mortes foi 2023, quando morreram 1.094 pessoas.

O Brasil, tal como toda a América Latina, sofreu este ano a pior epidemia de dengue da sua história, o que tem sido atribuído às perturbações climáticas provocadas pelo fenómeno El Niño, que fez subir as temperaturas e aumentou as chuvas em quase todas as regiões do país.

Desde fevereiro, o Governo brasileiro tem vindo a distribuir vacinas contra a dengue através do sistema público de saúde, mas devido ao reduzido número de doses disponíveis, limitou-as inicialmente a crianças e adolescentes.

No entanto, mais tarde aumentou o limite de idade para 59 anos, devido à baixa resposta dos cidadãos à vacinação.

Brasil

Mais Brasil

Patrocinados