Brad Pitt surpreende ao vestir uma saia na antestreia do novo filme

CNN Portugal , FMC
21 jul, 11:42

Na promoção de "Bullet Train", o ator norte-americano escolheu um visual que criou controvérsia nas redes sociais. Mas não é a primeira vez que o público vê Pitt de vestido

Brad Pitt esteve, na terça-feira, na antestreia do filme de ação que protagoniza, "Bullet Train", em Berlim, na Alemanha, e escolheu um visual arrojado, mas não inédito.  

A estrela de cinema, para conseguir aguentar o calor, optou por vestir uma saia castanha assimétrica (mais longa atrás) de linho, um casaco da mesma cor e uma camisa salmão, relata a CNN Internacional e os internautas reagiram nas redes sociais com opiniões antagónicas. 

Enquanto uns aplaudiram a escolha, outros optaram por uma posição mais conservadora, e houve ainda os que simplesmente escreveram que não gostaram do que viram, não pela saia, mas pelo uso de roupas largas e uma camisa vincada numa situação formal.

 

 

Mas Pitt não é um novato no que toca a usar vestidos. Se, neste caso, a escolha se deveu ao calor, nos anos 90 apareceu com cinco vestidos diferentes na revista Rolling Stone, quando promovia o filme "Fight Club"

As fotografias tiradas por Mark Seliger criaram impacto na altura e não afetaram o estatuto de sex symbol mundial do ator.

O cantor Harry Styles é uma das celebridades que tem defendido a neutralidade da moda, usando vestidos e saias várias vezes.

Numa entrevista ao The Guardian, depois de aparecer na capa da revista Vogue com um vestido, Styles explicou-se: "O que as mulheres vestem, o que os homens vestem... Para mim não é uma questão disso". O cantor defendeu que o importante é estar confortável e ser fiel a si próprio. Também o ator Billy Porter já esteve no centro de um debate semelhante quando deslumbrou num vestido preto de veludo na cerimónia dos Óscares em 2019. 

Artes

Mais Artes

Patrocinados