Ricardo Paiva: «Quando há relaxamento, o desfecho é este»

17 fev, 19:14
Boavista-Estoril (MANUEL FERNANDO ARAÚJO/LUSA)

Treinador do Boavista diz que é preciso mais após a derrota em Chaves

O treinador do Boavista, Ricardo Paiva, em declarações na conferência de imprensa após a derrota em casa do Desp. Chaves (2-1), em jogo da 22.ª jornada da Liga:

 

«Um jogo muito chato, tínhamos alertado para a dificuldade de jogar aqui, contra o [Desportivo de] Chaves, um adversário a precisar de pontos e que iria fazer de tudo para conseguir conquistar a vitória.

Entrámos bem na primeira parte, sofremos o primeiro golo na sequência de uma infelicidade, igualámos e acho que fomos para o intervalo até ligeiramente por cima [do jogo]. Uma entrada boa na segunda parte que, depois, acaba por se diluir com a expulsão, estranhamente.

Acho que deveríamos ter tido a capacidade de gerir melhor o jogo em superioridade numérica. A verdade é que não foi isso que aconteceu e, quando há relaxamento, o desfecho é este. É preciso mais, muito mais.

[Golo de Héctor] Cruel, claro que é, porque acabámos por não levar qualquer ponto daqui, mas volto a dizer: é preciso muito mais, fazer mais, estar mais empenhado até ao final, todos nós, inclusive equipa técnica, para conseguirmos levar pontos dos jogos.

Os jogos são extremamente difíceis, sabíamos que a dificuldade era grande aqui, contra o [Desportivo de] Chaves, acabámos por relaxar ali em determinado momento e pagámos a fatura.»

Relacionados

Mais Lidas

Patrocinados