«Jesus? Tem de haver conversas entre as partes para ser treinador do Flamengo»

22 dez 2021, 12:39

O diretor-executivo da equipa brasileira, Bruno Spindel, reiterou a intenção de levar o técnico português e abriu a porta a um diálogo com o Benfica

PUB

Jorge Jesus já deu o 'sim' ao Flamengo, conforme o Maisfutebol e CNN noticiaram em exclusivo. As duas partes já conversaram, mas os dirigentes do Mengão ainda não apresentaram uma proposta, visto que primeiro têm de alcançar um acordo com o Benfica, clube com o qual o técnico tem contrato até ao verão de 2022.

«O Flamengo ainda não fez qualquer proposta. Desde que chegámos, dissemos que o Flamengo queria um treinador europeu. O mister Jorge Jesus é um profissional de primeiro nível, fez um trabalho maravilhoso, tem amizade comigo, com o Marcos Braz e com o presidente Landim. É natural que tenhamos o desejo de ter o Jorge como treinador do Flamengo. Preenche todos os requisitos e foi campeão no Flamengo», começou por dizer o diretor-executivo do clube brasileiro, Bruno Spindel, à CNN Portugal. 

O dirigente do emblema carioca admitiu que há «uma série de conversas que têm de acontecer» para que o treinador de 67 anos regresse ao Brasil.

«Há uma série de conversas que têm de acontecer para que ele [Jesus] possa vir para o Flamengo. São conversas privadas. Quando um profissional tem contrato com um clube, têm de haver conversas entre todas as partes», frisou. 

Spindel reiterou que a viagem pela Europa tem como intuito encontrar um novo técnico para o vice-campeão da América do Sul.

«Jesus é o desejo do Flamengo. Mas estamos a manter várias conversas aqui em Portugal e eventualmente, vamos ter outras noutros países europeus. Temos a missão de levar um treinador com um determinado perfil. É fundamental termos um treinador à altura dos sonhos e dos desejos do Flamengo. O Flamengo entra em todas as competições para ganhar e temos o sonho de vencer tudo», referiu. 

Apesar de Jorge Jesus ser a escolha número um do Flamengo, Spindel não fechou a porta à possibilidade de recrutar outro treinador português. 

«Há várias alternativas e o Flamengo vai tomar uma decisão no espaço de tempo que for mais conveniente. O Jorge teve sucesso no Flamengo, valorizamos o seu valor e o seu trabalho, mas sabemos que há uma série de outros treinadores portugueses com sucesso e ideias muito claras. Levando um treinador de qualidade para o Flamengo, com a qualidade do plantel e com os adeptos que temos, há chance de ter um enorme sucesso. Não falo de nomes, mas são outros grandes treinadores portugueses», adiantou. 

Questionado novamente sobre Jesus, o dirigente recusou abrir o jogo. «Não tenho muito a comentar. O que posso dizer é que temos o desejo de ter o Jorge [Jesus] novamente no Flamengo. Não é simples, ele tem contrato com o Benfica. É uma questão complexa», concluiu. 

O Maisfutebol sabe que o Benfica já tem conhecimento do desejo de Jorge Jesus e do Flamengo, mas não se vai pronunciar sobre a questão antes dos jogos contra o FC Porto para a Taça de Portugal e Liga, ambos no Dragão. 

PUB
PUB
PUB

Relacionados

Uma newsletter para conversarmos - Decisão 22

Envie-nos as suas questões e sugestões de temas, responderemos pela caixa do correio

Saiba mais

Benfica

Mais Benfica

Patrocinados