Banco central sueco toma decisão inédita de subir taxa diretora em 1 ponto percentual

Agência Lusa , AM
20 set, 10:16
Banco Central da Suécia (Getty Images)

Taxa diretora já tinha sido aumentada em 50 pontos base em junho e deverá voltar a aumentar nos próximos seis meses

O Banco Central da Suécia (Riksbank) decidiu esta terça-feira subir a taxa diretora em um ponto percentual, para tentar conter a inflação, a mais elevada no país em 30 anos.

Mais do que duplicando a taxa diretora, no seguimento do que estão a fazer outros bancos centrais, o Riksbank fez o maior aumento de uma só vez desde que o objetivo de conter a inflação foi introduzido em 1993.

O anúncio surpreendeu os analistas, que esperavam uma subida já elevada de 75 pontos base.

A inflação na Suécia, que atingiu 9% no mês passado (um recorde desde 1991), "está muito alta" e "deverá continuar a aumentar até ao final do ano", sublinhou o banco central sueco em comunicado.

O banco central sueco tinha já aumentado a taxa diretora em 50 pontos base em junho e deverá voltar a fazê-lo nos próximos seis meses.

A Suécia é membro da União Europeia desde 1995, mas não integra a zona euro.

Economia

Mais Economia

Patrocinados