Já provou cerveja de banana? Esta pode ser a nova sensação da Madeira

Agência Lusa , AG
26 jun, 17:29
Bananas podem ser solução para energia renovável

Projeto que desenvolve cervejas artesanais promete um produto inovador

Já provou cerveja de banana? Se não, já o pode fazer na Madeira, onde já é possível adquirir uma cerveja com o sabor do fruto mais icónico do arquipélago.

É a “Weiss banana Bam” e é produzida pela Empresa de Cervejas da Madeira, numa iniciativa do projeto Madeira Beer Lab, que tenta explorar cervejas artesanais.

O presidente do Governo da Madeira, Miguel Albuquerque, disse este sábado que a produção de banana deve ser “maximizada” com recurso a novas tecnologias, salientando que o próximo quadro comunitário prevê apoios nesse sentido. A cerveja será, certamente, uma das formas de o fazer, e a primeira prova foi feita a 23 de junho, na inauguração do Centro de Banana da Madeira.

“O que estamos a fazer é preparar o setor para os jovens empresários poderem abalançar esta atividade e isso só vai acontecer se a produção for tecnologicamente avançada, que diminua o esforço físico e que traga compensação financeira para quem investe”, disse Miguel Albuquerque, precisamente numa visita àquele espaço, na Ponta do Sol.

O presidente do Governo da Madeira afirmou que o setor “é rentável” e indicou que o próximo quadro comunitário vai financiar projetos no sentido de melhorar a qualidade da banana e facilitar o seu transporte através das plantações, a maioria em socalcos.

“A Europa consome sete milhões de toneladas de banana [por ano] e nós produzimos à volta de 20 mil toneladas”, disse, reforçando: “Isso significa que temos uma produção residual face à banana que vem da América Latina e a nossa banana tem de ser defendida pela qualidade.”

O novo Centro de Banana da Madeira representou um investimento de três milhões de euros da Secretaria Regional da Agricultura e Desenvolvimento Rural e está dotado de uma zona de exposição permanente (núcleo museológico), bem como de departamentos de Investigação e de Qualidade e de Apoio ao Produtor e Formação.

Para além do edifício, o projeto inclui infraestruturas visitáveis através de um caminho agrícola, entre as quais campos de cultivo, viveiros de plantas, zonas de despenca, maturação e refrigeração da banana, bem como o sistema de transporte dos cachos por cabo aéreo e um edifício com bar e loja para venda de ‘merchandising’.

A bananeira é uma das culturas agrícolas mais representativas da Madeira e com grande importância socioeconómica, ambiental e paisagística.

Gastronomia

Mais Gastronomia

Na SELFIE

Patrocinados