Venda de carros usados continua abaixo dos valores pré-pandemia

17 nov, 19:56
Mercado automóvel na Europa

Vendas acumuladas de automóveis usados nos primeiros dez meses do ano continuam 2,2% inferiores em relação a igual período de 2019. Falta de stock continua a impulsionar preços

Nos primeiros dez meses de 2022, as vendas acumuladas de automóveis usados online caíram 16,1% em comparação com igual período do ano anterior. No entanto, quando comparado com os dados de 2019, o último ano antes da pandemia de covid-19, a venda de automóveis usados continua 2,2% inferior.

Os dados são do mais recente relatório do Observatório INDICATA e concluem que esta evolução se deve, em grande medida, à queda 20,5% na venda de automóveis usados a diesel, face a 2021. Já a venda de automóveis usados a gasolina caiu 11,5% em igual período.

Os veículos elétricos, por sua vez, mantêm a trajetória de subida dos últimos meses com um avanço de 3,8%, embora continuem a ser os híbridos a registar o melhor desempenho, com uma subida de 16,1% face a outubro de 2021.

Segundo o relatório, esta evolução do mercado de usados deve-se ao “aumento do custo de vida e aos elevados preços da energia”, resultando num adiamento da decisão, por parte dos consumidores, em trocar o seu automóvel por outro mais dispendioso.Por este motivo, “os únicos automóveis que veem as vendas aumentar em termos homólogos são os de 6-9 anos de idade”, acrescenta.

No entanto, a escassez de automóveis também está a dificultar as vendas e os níveis de stock estavam, no início de novembro, 2,6% mais baixos do que no mês anterior, ou 5,8% face a novembro de 2021. Ao comparar com os dados de novembro de 2019, a queda já é mais significativa, com o stock de automóveis usados online a afundar 19,5%.

Paralela à escassez de stock está ainda a inflação no preço dos automóveis usados. No início de novembro, a média de preços estava a subir 1,2 pontos percentuais face ao mês anterior. Desde o final do ano passado que o preço médio de um automóvel usado já aumentou 13,8 pontos percentuais.

Média ponderada do preço dos automóveis usados online, com janeiro de 2021 como valor base
Fonte: Observatório INDICATA

 

Relacionados

Economia

Mais Economia

Patrocinados