Fórmula 1: FIA mantém decisão na manobra de Verstappen sobre Hamilton

19 nov 2021, 13:12
Verstappen cumprimentou Hamilton no final da fase de qualificação
Verstappen cumprimentou Hamilton no final da fase de qualificação

Mercedes apresentou novas filmagens e pediu que incidente na volta 48 fosse revisto. Comissários alegam que não mostram nada «particularmente diferente dos outros ângulos» e encerra definitivamente o caso

PUB

Os comissários da FIA recusaram o recurso enviado pela Mercedes a propósito de um incidente entre Max Verstappen (Red Bull) e Lewis Hamilton na curva 4 da volta 48 do Grande Prémio do Brasil em Fórmula 1.

Recorde-se que a manobra chegou a ser investigada após a corrida, mas a decisão passou por não punir Verstappen, que na altura defendia a liderança da corrida e acabou por sair largo na curva, o que forçou Hamilton, que estava por fora, a levantar o pé para evitar uma colisão.

PUB

A Mercedes não se conformou e, alegando novas evidências, pediu que a investigação fosse reaberta depois de surgirem imagens do onboard de Verstappen e de Hamilton. Esse pedido foi recusado, o que significa que Verstappen não corre o risco de ser sancionado e que não haverá alteração ao segundo lugar do homem da Red Bull em Interlagos.

O colégio de comissários concordou que as imagens apresentadas pela Mercedes poderiam servir como novas provas, mas negou que fossem suficientes para forçarem uma alteração da decisão ou, até, a reabertura de uma investigação. «A filmagem não mostra nada que seja particularmente diferente dos outros ângulos que foram disponibilizados na altura.»

PUB
PUB
PUB

Recorde-se que Lewis Hamilton viria a ultrapassar Max Vertappen, vencendo o Grande Prémio do Brasil. Neste fim de semana corre-se o GP do Qatar.

Recorde a manobra:

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Patrocinados