Carro “não terá ficado bem travado" e homem morre atropelado pela própria viatura em Miranda do Douro

Agência Lusa , NM
1 nov, 17:58
INEM

A viatura estava estacionada numa rua íngreme e acabou por deslizar para cima do condutor

Um homem de 75 anos morreu esta terça-feira, em Miranda do Douro, distrito de Bragança, depois de ter sido atingido pelo carro que, após sair dele, não terá ficado bem travado, revelou à Lusa fonte da GNR local.

O alerta foi dado às 15:52 e, à chegada ao local, os Bombeiros de Miranda do Douro efetuaram manobras de reanimação que não surtiram efeito, tendo o óbito sido declarado no local, acrescentou.

Ainda segundo a mesma fonte, o carro “não terá ficado bem travado quando o homem abandonou a viatura, acabando esta por deslizar devido ao terreno íngreme onde foi estacionada, atingindo-o no seu percurso”.

Segundo a página do Centro Distrital de Operações de Socorro de Bragança estiveram no local 12 operacionais apoiados por cinco viaturas.

País

Mais País

Patrocinados