Caça ao tubarão depois do primeiro ataque mortal em quase 60 anos em Sydney

17 fev, 09:38
Ataque de tubarão em Sydney (Getty Images)

Autoridades vedaram acesso dos banhistas à água em várias praias e procuram agora o predador

Um homem, de 35 anos, morreu atacado por um tubarão branco perto de perto de Little Bay, em Sydney, esta quarta-feira, naquele que foi o primeiro ataque mortal nesta zona nos últimos 59 anos. 

As autoridades australianas estão agora empenhadas em caçar o animal e já procederam às medidas de segurança tidas por adequadas. Os banhistas estão proibidos de entrar no mar na maioria das praias da cidade na sequência da fatalidade.

De acordo com a notícia avançada pela BBC, a vítima era um britânico que estava a nadar perto da costa em águas agitadas quando foi atacada. Este tipo de ataques de tubarões não são comuns em Sydney, uma vez que a cidade australiana há muito tempo que é vedada por redes.

Já esta quinta-feira, várias equipas patrulharam 25 quilómetros da costa de Bondi a Cronulla, na tentativa de identificar o animal. Os especialistas acreditam que o animal deverá ter pelo menos três metros de comprimento, com base na análise das imagens gravadas por pessoas que estavam na praia no momento do ataque.

Pescadores e pessoas que se encontravam perto da costa relataram os breves momentos de agonia vividos pelo homem. As autoridades conseguiram recuperar partes do corpo algumas horas após o ataque. 

Relacionados

Mundo

Mais Mundo

Patrocinados