Itália
80'
2 - 1
Albânia

PCP não quis ver Zelensky no hemiciclo mas quer comentá-lo: diz que a referência ao 25 de Abril é "um insulto"

Agência Lusa , BCE
21 abr 2022, 18:51

Na intervenção transmitida no parlamento, Volodymyr Zelensky disse que a Ucrânia está a enfrentar a “ditadura da Rússia” e que os portugueses “sabem perfeitamente” aquilo que a os ucranianos estão a viver

O PCP considerou esta quinta-feira que a referência que o presidente da Ucrânia fez ao 25 de Abril durante a sua intervenção, por videoconferência, na Assembleia da República, “é um insulto” à Revolução dos Cravos.

“A revolução de Abril foi feita para pôr fim ao fascismo e à guerra. É um insulto esta declaração [de Volodymyr Zelensky] que faz referência ao 25 de Abril. O 25 de Abril em Portugal foi para libertar e contribuiu para a libertação dos antifascistas. Na Ucrânia estão a ser presos”, argumentou a líder parlamentar comunista, Paula Santos, nos Passos Perdidos do parlamento.

Durante a sua intervenção na Assembleia da República, o presidente da Ucrânia fez uma referência ao 25 de Abril de 1974, cujo 48.º aniversário vai comemorar-se na próxima segunda-feira.

Volodymyr Zelensky disse que a Ucrânia está a enfrentar a “ditadura da Rússia” e que os portugueses “sabem perfeitamente” aquilo que a os ucranianos estão a viver.

Relacionados

Partidos

Mais Partidos

Patrocinados