Armando Evangelista: «É dos jogos mais fáceis de analisar que tive até hoje»

21 jan, 21:25
Armando Evangelista no Gil Vicente-Arouca (José Coelho/LUSA)

Arouca-Benfica, 0-2 (reportagem)

Armando Evangelista, treinador do Arouca, em declarações à Sport TV, depois da derrota, em casa, diante do Benfica (0-2), em jogo da 19.ª jornada da Liga:

[O Arouca passou por dificuldades esta semana, mas deu uma boa resposta esta noite. Orgulhoso com a sua equipa?]

- Sim, é verdade que têm sido tempo difíceis face ao número de casos que temos vindo a ter e aos castigos, este jogo foi ainda mais difícil de preparar. A verdade é que demos uma resposta que estamos vivos, que pertencemos a esta Liga, temos capacidade para pertencer a esta Liga. Este jogo é dos jogos mais fáceis de analisar que tive até hoje. O único factor de desequilíbrio foi a eficácia. O Benfica teve um penálti, fez golo. Nós tivemos um penálti e não conseguimos fazer golo. O Benfica teve mais duas situações e fez golo, o Arouca, teve mais três ou quatro situações e não fez. Precisávamos de um elemento com mais presença na área. Acho que ficou aqui a demonstração que quando tivermos a equipa ligada novamente, com os casos resolvidos, o Arouca vai ser uma equipa competitiva.

[Fisicamente a equipa respondeu bem]

- Tivemos a questão do Leandro que não aguentou mais. Ao intervalo já estava exausto, pensei que desse para mais dez minutos, mas sentiu-se mal. Tivemos a questão do David Simão que fez 70 minutos depois de tanto tempo sem competir. Houve alguns jogadores que aguentam 90 ou 120 minutos facilmente e hoje não conseguiram. De qualquer forma, foi muito satisfatória porque o Arouca deu uma prova viva que tem capacidade para estar nesta Liga. Tenho a certeza que daqui para a frente vão dar muitas alegrias aos adeptos. Quem faz isto diante do Benfica tem capacidade para conseguir melhores resultados.

[David Simão, traz mais qualidade à equipa?]

- Sobretudo, o David traz maturidade a esta equipa. É um jogador que conhece os tempos de jogo, sabe quando tem de quebrar o ritmo, sabe quando tem de esperar e jogar para trás. É um jogador que acrescenta, sabe quando deve acelerar e quando não deve, quando deve ter bola e quando não deve ter. Além disso tem a qualidade que toda a gente lhe reconhece.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Benfica

Mais Benfica

Patrocinados