Guterres reitera apelo aos talibãs para permitirem regresso das estudantes à escola

Agência Lusa , CE
18 set, 08:32
António Guterres na Conferência dos Oceanos (Miguel A. Lopes/ Lusa)

No ano passado, após o regresso dos rapazes à escola, o regime Talibã anunciou que só estes seriam autorizados a ir à escola

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, reiterou hoje o apelo aos talibãs para que permita o regresso das estudantes afegãs à escola, um ano após terem sido proibidas de estudar.

"Este domingo [hoje] assinala-se um ano desde que as raparigas foram banidas da escola no Afeganistão. Um ano de conhecimento e de oportunidades perdidas que nunca mais voltarão", lamentou Guterres numa mensagem na sua conta na rede social Twitter.

O secretário-geral da ONU exigiu que os talibãs - que tomaram a capital do Afeganistão, Cabul, a 15 de agosto de 2021 - deixassem as crianças e jovens do sexo feminino entrar nas escolas.

No ano passado, após o regresso dos rapazes à escola, o regime Talibã anunciou que só estes seriam autorizados a ir à escola.

Mundo

Mais Mundo

Patrocinados