Anacom diz que Portugal "compara negativamente com a Europa" nos preços das comunicações

Agência Lusa , PF
21 set, 12:49
ANACOM

"Achamos que só resolvemos esse problema com maior concorrência", disse o presidente da entidade reguladora

O presidente da Autoridade Nacional de Comunicações reafirmou esta quarta-feira que Portugal "compara muito negativamente com a Europa nos preços das comunicações", mas destacou o nível de cobertura face aos restantes países europeus.

João Cadete de Matos está a falar na comissão parlamentar de Economia, Obras Públicas, Planeamento e Habitação, no âmbito de um requerimento do PSD sobre a substituição dos cabos submarinos que asseguram as comunicações entre Portugal continental, Açores e a Madeira.

"Portugal compara muito negativamente com a Europa nos preços das comunicações e achamos que só resolvemos esse problema (...) com maior concorrência", disse o presidente da entidade reguladora.

"A economia de mercado é o único instrumento que temos, é aumentar a concorrência para procurar, de facto, que os preços desçam para os níveis dos outros países europeus", prosseguiu João Cadete de Matos, em resposta a questões dos deputados.

Mas "do ponto de vista da cobertura do território, "é importante termos presente que Portugal tem, comparativamente a muitos outros países europeus, um nível de cobertura superior", referiu, embora o país registe zonas brancas.

Economia

Mais Economia

Patrocinados