Portugal envia ajuda à Alemanha para combater pandemia

15 dez 2021, 20:00
Covid-19 no Hospital de Santa Maria
Covid-19 no Hospital de Santa Maria

Autoridades alemãs estão a avaliar os contornos da ajuda, numa altura em que o país regista mais de 50 mil novos casos diários

PUB

Portugal vai dar ajuda à Alemanha no combate à covid-19. A CNN Portugal apurou que o Ministério da Defesa Nacional se manifestou disponível para enviar uma equipa de médicos e enfermeiros para território germânico bem como para acolher doentes alemães que necessitem de hospitalização em unidades de cuidados intensivos.

Neste momento, as autoridades alemãs estão a apreciar o tipo de ajuda de que poderão vir a necessitar por parte da Forças Armadas portuguesas ou do Serviço Nacional de Saúde (SNS).

PUB

A Alemanha enfrenta, há várias semanas, um dos momentos mais duros no combate à pandemia. Os últimos dados, relativos a terça-feira, dão conta de 52.233 novos casos e 454 mortos em apenas 24 horas. Nos últimos sete dias, a média de novos casos supera também os 50 mil.

Perante este cenário, o novo governo de Olaf Scholz tem admitido a possibilidade de tornar a vacinação contra a covid-19 obrigatória no país. Mas até para essa vontade há um problema: o ministro da Saúde alemão revelou esta quinta-feira que deverá haver faltas de vacinas logo no primeiro trimestre de 2022, com barreiras à inoculação logo em janeiro.

PUB
PUB
PUB

Mudança de papéis

Esta ajuda nacional à Alemanha acaba por representar uma troca de papéis. Em fevereiro de 2021, quando Portugal enfrentava o pior momento da pandemia, o então governo de Angela Merkel decidiu enviar ajuda médica.

A 3 de fevereiro desembarcou no aeroporto de Figo Maduro uma equipa com 26 profissionais de saúde, entre eles oito médicos, que estiveram ao serviço num hospital privado, a apoiar os doentes reencaminhados pelo SNS, à altura saturado.

Além dos recursos humanos, o avião da Força Aérea trazia 50 ventiladores, 150 bombas de infusão e 150 camas hospitalares.

"Apoiamos os nossos amigos europeus, também na luta contra o coronavírus. Combinei com o meu homólogo João Cravinho que a 'Bundeswehr' (Forças Armadas alemãs) vão enviar pessoal e material médico para Portugal. A solidariedade fortalece a Europa", revelou a então ministra da Defesa, Annegret Kramp-Karrenbauer.

A primeira equipa de profissionais alemã foi renovada três semanas depois. A 25 de março, assinalava-se o “fim geral da missão”, com 16 doentes apoiados nos cuidados intensivos durante a presença em Portugal.

PUB
PUB
PUB

“O nosso balanço pessoal é muito positivo. Chegámos com vários profissionais de saúde experientes. Embora a equipa tenha sido criada especialmente para esta tarefa, os nossos procedimentos padrão fizeram com que rapidamente nos tornássemos um grupo bem coordenado", explicou na altura o porta-voz da delegação, Andreas Vossen.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Covid-19

Mais Covid-19

Patrocinados