Tem dores de cabeça crónicas? Uma prática antiga pode ajudar

CNN , Rachel Fadem
10 jul, 16:00
Acupuntura (Adobe Stock)

As pessoas que sofrem de dores de cabeça crónicas podem conseguir um alívio prolongado com a ajuda de tratamentos de acupuntura

As pessoas que sofrem de um tipo particularmente persistente de dor de cabeça podem conseguir algum alívio com uma antiga técnica chinesa, segundo um novo estudo.

A acupuntura pode reduzir o número de dores de cabeça mensais para as pessoas que sofrem de dores de cabeça crónicas de tensão, segundo um estudo publicado a 22 de junho no “Neurology”, o jornal da Academia Americana de Neurologia.

As dores de cabeça de tensão envolvem uma sensação de pressão ou aperto em ambos os lados da cabeça, com uma intensidade leve a moderada, e são classificadas como crónicas quando acontecem pelo menos 15 dias por mês.

Após dois meses de tratamento, a acupuntura pode proporcionar um alívio das dores de cabeça crónicas de tensão durante pelo menos oito meses, disse por e-mail Ying Li, principal investigador do estudo e professor da Universidade de Medicina Tradicional Chinesa de Chengdu.

Estudos anteriores já tinham descoberto que a acupuntura pode ser eficaz para as dores de cabeça de tensão episódicas e crónicas, mas não fizeram distinção entre as duas. Este estudo é um dos primeiros a mostrar que a acupuntura é eficaz especificamente para as dores de cabeça crónicas de tensão, acrescentou Li.

Como as dores de cabeça crónicas de tensão são muitas vezes mais difíceis de tratar, e os medicamentos usados ​​têm múltiplos potenciais efeitos secundários, os resultados são promissores, disse Mark Whealy, um neurologista especializado em cefaleias e distúrbios de dor facial da Clínica Mayo. Este médico não esteve envolvido no novo estudo.

Ying Li e a equipa do estudo analisaram o efeito de 20 sessões de acupuntura verdadeira ou superficial em 218 pessoas que sofriam de dores de cabeça crónicas de tensão há uma média de 11 anos e tinham 22 dias de dor de cabeça por mês.

Os tratamentos de acupuntura verdadeira envolvem alcançar a sensação de “deqi”, provocada pela aplicação e movimentação de uma agulha, inserida entre 12,5 a 20 milímetros no corpo, para criar dormência ou uma sensação de peso. Os tratamentos superficiais usam os mesmos pontos do corpo, mas as agulhas são inseridas a apenas 2 milímetros de profundidade e não alcançam essa sensação.

No final do estudo, 68% dos participantes que receberam tratamentos de acupuntura verdadeira e 50% dos participantes que receberam acupuntura superficial relataram uma redução no número de dias de dor de cabeça por mês, em pelo menos metade. Os resultados são comparáveis ​​aos resultados de ensaios clínicos para os medicamentos, disse Whealy.

“Para obter melhores efeitos na acupuntura, a sensação de deqi é importante”, disse Li. “Os prestadores de cuidados devem dar o seu melhor para alcançar a sensação de deqi em cada ponto de acupuntura.”

A pesquisa sublinha que nem todos os tratamentos de acupuntura são iguais, no que toca a proporcionar um alívio da dor, disse Ayla Wolf, acupunturista especializada em distúrbios neurológicos, traumatismos e lesões cerebrais traumáticas. A terapeuta não participou no estudo.

“Quando vamos a um acupunturista que é devidamente formado e conhece estas técnicas, vamos obter melhores resultados, sem dúvida, do que se se formos a alguém que está a aprender onde está um ponto e toca-lhe com a agulha, mas não repete o movimento“, disse Wolf.

Limitações dos tratamentos de acupuntura

Para os pacientes que não querem usar analgésicos receitados pelos médicos, a acupuntura oferece uma alternativa promissora. No entanto, ainda existem algumas incógnitas.

“Os mecanismos de como a acupuntura proporciona um alívio sustentado das dores de cabeça não são claros”, disse Li.

São necessários mais estudos sobre a relação custo-benefício da acupuntura, pois os tratamentos podem ser caros. Além disso, a acupuntura é semelhante à fisioterapia, no sentido em que os pacientes obterão melhores resultados se forem tratados várias vezes por semana, disse Wolf.

Um estudo publicado em 2017 descobriu que, em alguns casos, a acupuntura estava ligada a lesões em órgãos e tecidos, a infeções e a outras reações adversas. No entanto, estudos e dados recentes tornam mais difícil criticar a acupuntura, disse a Dra. Tesha Monteith, professora de neurologia clínica e chefe do Departamento das Cefaleias da Faculdade de Medicina Miller da Universidade de Miami. A professora não participou no estudo.

Os efeitos secundários descritos pelos participantes do estudo recém-publicado foram leves e não exigiram tratamento, diz o relatório.

Como o estudo foi realizado num único hospital na China, os resultados podem não se aplicar a todas as populações. No entanto, a conceção e a análise minuciosas deste estudo fornecem um ponto de partida para novas pesquisas a serem feitas sobre a ligação entre acupuntura e as dores de cabeça crónicas de tensão, disse Wolf.

“Vários estudos realizados noutros países também mostraram os bons resultados da acupuntura, portanto, assumimos que a generalização da acupuntura para as dores de cabeça de tensão pode não ser um grande problema”, disse Li.

O tratamento da dor crónica é uma abordagem multidisciplinar e a acupuntura é uma das várias opções de tratamento que devem ser consideradas, disse Monteith.

Muitos pacientes do estudo lidaram com dores de crónicas de tensão durante pelo menos uma década, o que significa que provavelmente tentaram outros tratamentos e não obtiveram resultados, acrescentou ela.

“Acho que esta é uma das várias opções”, disse Monteith. “Um regime de tratamento personalizado, talvez considerando múltiplas intervenções, é certamente algo a considerar, especialmente para estes pacientes refratários que sofrem há muito tempo.”

Vida Saudável

Mais Vida Saudável

Patrocinados