Homem detido por sujeitar três filhas a "diversas práticas sexuais"

Agência Lusa , AG
31 out, 19:34
Polícia Judiciária

Abusos terão decorrido ao longo de cinco anos

A Polícia Judiciária de Setúbal deteve um homem suspeito de dezenas de crimes de abuso sexual de três filhas menores durante cinco anos, no Barreiro, foi hoje anunciado.

Segundo um comunicado divulgado pela Polícia Judiciária, o suspeito fazia valer o seu ascendente familiar e a sua superioridade física para sujeitar as três filhas menores - a mais velha atualmente com 22 anos - a “diversas práticas sexuais”.

O suspeito, de 51 anos, que foi detido no âmbito de um mandado de detenção emitido pelo Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) do Barreiro, está indiciado por um número de crimes de abuso sexual de menores dependentes, agravados, que ainda não está totalmente apurado, mas que a Judiciária diz ser “superior a várias dezenas”.

Presente a primeiro interrogatório judicial, foi-lhe aplicada a medida de coação de prisão preventiva, a mais gravosa.

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados